quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Receita de Doce de Banana Caseiro

Os doces caseiros feitos com frutas são realmente 
muito mais gostosos. 
Essa receita de Doce de Banana, que é super 
rápida e fácil, vai deixar todo mundo com água na boca.
As bananas foram colhidas no meu quintal.

INGREDIENTES

- 01 dúzia bananas prata 
- 04 xícaras de chá de açúcar refinado 
- água o suficiente para cobrir as 
bananas mais um pouco 
- 01 colher de (sopa) de suco de limão 
(OPCIONAL) não coloquei

Modo de Preparo:

Leve uma panela ao fogo com a água e, 
quando iniciar a fervura, adicione as 
bananas descascadas em rodelas. 
Deixe ferver. 

Quando formar uma espuma na superfície, 
retire ela com uma escumadeira 
quantas vezes forem necessárias. 
Após a esta etapa, retire a banana 
do fogo e escorra.

Em outra panela, leve ao fogo a água 
e o açúcar, mexendo bem 
para dissolver o açúcar.
Deixe ferver e junte as bananas 
e o 
suco de limão. 

Abaixe o fogo e deixe cozinhar 
devagar . 
Assim que a calda for ficando avermelhada 
e grossa, acrescente 
água aos poucos. 

Cozinhe até as bananas ficarem macias 
e a calda grossa e bem avermelhada. 
Mexendo sempre o doce ficará bem cremoso.

Deixe esfriar e coloque em potes.


SORVETE CASEIRO DE ACEROLA e RECEITA DA GELEIA


INGREDIENTES:

3 copos de acerola lavada e sem 
o cabinho verde 
3 copos de leite integral 
1 lata de leite condensado 
6 colheres (sopa) de açúcar 
1/2 colher (sopa) de espessante neutro 
para sorvete em pó(liga neutra)
1/2 colher (sopa) de emulsificante 
para sorvete

Obs.: 
Use como medida o copo de requeijão 
(250 ml)

MODO DE PREPARO:

Bata, no liquidificador, a acerola 
com o leite e coe 
em peneira grossa. 
Volte para o liquidificador acrescentando 
o açúcar, o leite condensado 
e o espessante para sorvete em pó. 
Leve ao freezer em pote com 
tampa por 6 horas. 
Retire, quebre bem com uma colher, 
acrescente o emulsificante e bata na batedeira 
até dobrar de 
volume e ficar bem aerado, 
por cerca de 5 minutos. 
Volte com o sorvete para o freezer até 
a hora de servir .
Se quiser pode bater mais 2 vezes e 
sempre congelar depois.




GELEIA DE ACEROLA

Para fazer a geleia eu usei uma proporção 
de 1 quilo de acerola para um quilo de açúcar

Bati as acerolas no liquidificador e passei 
pela peneira espremendo bem com uma 
colher, tem que mexer até passar toda a 
polpa da acerola pela peneira.
Depois é so colocar em uma panela junto 
com o açúcar e mexer sempre até dar o 
ponto de geleia mole, dai tire do 
fogo e deixe esfriar bem para poder 
ver o ponto, se precisar leve ao 
fogo novamente mexendo mais um pouco.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

BISCOITO DE LARANJA, GENGIBRE E MEL - Massa para ser usada em pistola de biscoito

Ingredientes:

Raspa da casca de 1 laranja
70 g de açúcar mascavo
80 g de manteiga ou margarina
sem sal em temperatura ambiente
3 colheres de sopa de mel
200 g de farinha de trigo
1 colher das de chá de fermento em pó
1/2 colher das de chá de bicarbonato de sódio
1/2 colher de chá de canela em pó
1/2 colher de chá de gengibre em pó
50 ml de suco de laranja

Preparo:

Pré aqueça o forno na temperatura de  180º
Numa tigela misture a farinha com os outros
ingredientes secos.

Em outra tigela bata a manteiga com o açúcar,
o mel,e a raspa da laranja.
Misture os ingredientes secos com o creme de
manteiga e o suco de laranja e bata tudo
até misturar bem.
Se for fazer os biscoitos a mão, com cortador
NÃO USE O SUCO DE LARANJA.
pois a massa é mole para ser usada na
pistola.
coloque os biscoitos numa assadeira forrada
com papel manteiga e untada e leve para assar
por 10 a 12 minutos. Retire e deixe esfriar.


segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Cuca Integral com Castanhas e Chocolate

A receita diz que é cuca, mas de cuca não tem nada
é um bolo integral de chocolate com castanhas e 
com uma cobertura de farofa

Ingredientes:

Farofa:

200 g de farinha integral 
100 g de açúcar cristal 
20 g de Açúcar Impalpável 
10 g de açúcar mascavo 
60 g de manteiga sem sal 

Massa:

250 g de farinha integral 
120 g de aveia fina 
345 g de açúcar cristal 
2 g de sal 
100 g de castanha-de-caju moída 
140 g de Chocolate em Pó 50% 
150 g de ovos (cerca de 3 unidades) 
240 ml de água morna 
225 ml de óleo de soja 
20 g de fermento em pó

Modo de Preparo

Farofa

Misture todos os ingredientes com o
Açúcar Impalpável até obter uma farofa. 
Reserve.

Massa:

Em um bowl, misture bem os ingredientes 
secos com 
o chocolate em Pó , exceto o fermento. 
Acrescente os ovos, a água morna e o óleo 
e mexa 
bem até obter 
uma massa homogênea. 
Incorpore delicadamente o fermento, 
divida em formas de bolo inglês (Usei 2 formas 
forneável 
descartável ) 
e polvilhe a farofa 
reservada. 
Asse a 200°C por cerca de 30 minutos. 
Retire do forno e deixe esfriar

Dica:
Se desejar, derreta 50 g de Chocolate Cobertura 
Meio Amargo 
conforme as instruções da 
embalagem, passe para um cartucho 
e faça delicados riscos. Usei o Branco.

 A farofa fica assim...

usei esta margarina no lugar da manteiga

usei este chocolate em pó, é muito bom, não
contém açúcar e é 50% cacau.

a massa fica assim... com pedacinhos 
de castanhas

A massa nas formas descartáveis, como 
sobrou um pouquinho de massa,
coloquei numa forminha de papel
para mini panetones.

Com a farofa...

Já assadas...



Depois de frias fiz os riscos com
chocolate branco derretido
A cuquinha da forminha do mini
panetone ficou assim...

Ficou excelente... com um sabor
maravilhoso de castanhas
com a crocância da farofa...

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

PANETONE CASEIRO 1ª Fornada

Ingredientes:
Esponja:

4 gemas
1 xícara das de chá de água morna( 250 ml )
60 g de fermento fresco (4 tabletinho)
1 1/2 xícara de farinha de trico peneirada (180 g)

Massa:

1 k de farinha de trigo peneirada mais 2 xícaras
 ( 240 g) 
para usar no final se precisar.
4 colheres de leite em pó
2 xícaras de chá de açúcar 
1 colher de sopa rasa de sal
1 colher de sopa de emulsificante
1 colherinha das de café de anti mofo (opcional)
4 ovos
120 g de margarina sem sal ou manteiga
2 colheres de sopa de essência para panetone ou
(1 colher de sopa de essência de laranja mais 1 colher 
de 
sopa de essência de baunilha)
Água morna até dar ponto de sovar, mais 
ou menos 
1 1/2 xícara de chá
350 g de frutas cristalizadas
400 g de uvas passas.

Modo de Preparo:

Esponja:
Na tigela da batedeira bata as gemas com a 
água morna
até espumar bem e dissolva ai 
o fermento e vá colocando 
a farinha batendo bem.
Cubra a tigela e deixe levedar até dobrar de 
volume, aqui 
deu mais ou menos 30 min, 
devido ao calor.

Massa:

Numa bacia ou na bancada coloque 1 k de farinha, 
o açúcar, 
o leite em pó o sal e misture bem.
Faça uma cavidade no meio desta mistura e 
coloque a esponja já crescida e por cima 
vá colocando 
o emulsificante, os ovos, 
a margarina ou manteiga e a essência
e vá misturando com a mão e colocando 
a água aos poucos, 
a massa fica um pouco 
grudenta nas mãos , mas vá enfarinhando 
as mãos e vá sovando bem esta massa, 
se precisar unte a mesa e trabalhe a
massa bem por uns 20 minutos, quanto 
mais sovar mais 
macia ficará a massa. 
Depois de bem sovada coloque numa bacia, 
cubra com um plastico e uma toalha de mesa 
e deixe crescer até 
dobrar de volume. 
Depois coloque a massa crescida na mesa e
de uma abaixada nela para tirar o ar e misture 
as frutas e amasse bem 
misturando para 
que as frutas fiquem parelhas na massa 
depois corte  
a massa em 5 porções iguais 
e faça uma bola com cada porção e coloque 
em formas próprias para panetone e estas 
formas coloque dentro de um tabuleiro 
e novamente deixe crescer até chegar um 
centímetro antes da borda da forma, 
Pincele uma gema dissolvida em 
um pouquinho 
de água ou então em um pouco de café coado 
bem forte. e leve para assar; em forno 
já pré aquecido a 180º por 50 minutos
Obs: a massa fica bem fofinha, e um pouco umida, 
e se conserva assim 
por 5 dias dentro de 
uma embalagem própria











terça-feira, 9 de dezembro de 2014

BOLO DE ACEROLA

Ingredientes:

2 xícaras de chá de farinha de trigo
1 xícara de chá de açúcar
150g margarina sem sal
4 ovos
2 colheres de chá de fermento em pó
1 xícara de suco de acerola peneirado
concentrado.

Preparo:
Bata as claras em neve e reserve. 
Bata a margarina e o açúcar até virar um 
creme, adicione as gemas e bata mais. 
Coloque o suco de acerola e bata. 
Retire da batedeira e incorpore a farinha 
e o fermento misturando delicadamente. 
Após, misture as claras em neve com cuidado. 
Unte uma forma e leve ao forno por 45 minutos.

Calda de acerola:(Opcional - não coloquei)

Use 1 xícara de suco de acerola e 
1 1/2 xícara de chá de açúcar. 
Leve ao fogo até engrossar um pouco. 
Coloque sobre o bolo quente.

De cobertura coloquei um tipo de um glacê
feito com 1 xícara de chá de açúcar de confeiteiro
2 colheres de sopa de leite
1/2 colher de sopa de manteiga e
1 colherinha de café de essência de baunilha,
poder usar no lugar raspa de casca de 
limão ou laranja.

É so misturar tudo e levar ao fogo até ferver.
E aplicar no bolo ja frio.
E por cima peneirei açúcar de confeiteiro.

Assim que saiu do forno

 No fundo da forma usei papel toalha

Fica direitinho e parelho e sai fácil










segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Cebola e Pepino em conserva

Fazer em vidros separados

INGREDIENTES:

- 600 g de pepinos pequenos e de cebolas pequenas
- 200 ml de vinagre branco (de álcool, arroz ou vinho branco);
- 200 ml de água filtrada;
- 2 colher de sopa bem cheia (24 g) de sal;
- 2 colher de chá (8 g) de açúcar;
- Especiarias (sugestões: louro, cebola pequena, alho, 
pimenta-do-reino em grãos, sementes de mostarda, 
alecrim, pimenta dedo de moça inteira, pimenta 
da Jamaica, cravo, tomilho, etc.).

UTENSÍLIOS:

- 1 panela grande (suficiente para um vidro de pepino em pé);
- 2 vidro vazio com tampa em boas condições;
- Luvas térmicas ou pano para não queimar a mão.

COMO FAZER:

PARTE 1: 
CUIDADOS PRÉVIOS PARA EVITAR CONTAMINAÇÃO

Os produtos em conserva são susceptíveis a bactérias 
provenientes do solo da família Clostridium ssp., 
que se multiplicam muito bem em meio ácido e 
salino (característico das conservas) e possuem 
uma toxina que pode levar à morte em até 48h.

Para evitar contaminação, proliferação e produção 
da toxina desses micro organismos é necessário 
tomar alguns cuidados:

- Antes de iniciar o processo, os pepinos devem 
ser CUIDADOSAMENTE lavados e esfregados UM A UM 
com escova ou esponja e água corrente;
descascar e lavar bem as cebolas.

- Mãos, frascos e utensílio de vem ser cuidadosamente 
lavados com água e sabão e bem enxaguados para 
retirar resíduos de detergente;

- Os vidros e tampas que serão utilizados para a 
conserva devem ser fervidos em uma panela 
grande por cerca de 1 minuto. 
A tampa não pode estar velha ou com ferrugem 
e deve vedar perfeitamente o recipiente;

- As mãos devem ser lavadas diversas vezes 
durante o processo e sempre antes de entrarem 
em contato com qualquer um dos ingredientes;

- As proporções de sal e vinagre do líquido de 
cobertura, que inibem os micro organismos, 
devem ser respeitadas, não podendo ser reduzidas 
em hipótese alguma;

- Especiarias tais como pimentas, louro e cebola são auxiliares na inibição de micro organismos e podem e devem ser utilizadas livremente.

PARTE 2: 
PASSO A PASSO

1. Lavar os pepinos CUIDADOSAMENTE e esfregar 
UM A UM com escova ou esponja e água corrente; 
descascar e lavar bem as cebolas

2. Fazer o líquido de cobertura (salmoura) 
com a água filtrada, o vinagre, o sal, o açúcar 
e as especiarias. 
Aquecer até fervura, desligar e reservar;

3. Colocar o vidro vazio e a tampa em água 
fervente em uma panela grande por 1 minuto, 
retirar, esperar esfriar um pouco (suficiente para 
poder manipular com luvas) e passar álcool para 
desinfetar. Espere o álcool evaporar bem para 
não deixar resíduo;

4. Na mesma água fervente do item anterior, 
escalde os pepinos e deixe por 2 minutos. 
Não deixe cozinhar, apenas esterilizar a 
superfície e amolecer levemente;

5. Escorra os pepinos e disponha-os um a um 
dentro do vidro até completar. 
Tome cuidado para acomodar bem, pois o 
líquido de cobertura deverá cobrir todos 
os pepinos;

6. Complete com o líquido de cobertura 
(salmoura) até chegar a um dedo da borda ou 
+/- 2 
cm (não encha até o topo, pois o vidro 
pode 
estourar na etapa de fervura;

7. Coloque o vidro ainda sem tampa em uma 
panela com água morna. Deixe a água da 
panela levantar fervura e aguarde 5 minutos, 
inserindo uma faca levemente duas ou três 
vezes para facilitar o desprendimento de bolhas 
de ar. Essa etapa visa expulsar o ar da salmoura, 
evitando a proliferação de micro 
organismos aeróbios;

8. Seque cuidadosamente a borda do vidro e 
tampe, certificando-se de que está bem vedado, 
e em seguida mergulhe de cabeça para baixo 
na panela com água fervente. 
Deixe ferver por 20 minutos. 
Esta etapa de tratamento térmico é muito 
importante, pois elimina esporos de 
Clostridium ssp. É ela que diferencia o pepino 
em conserva do picles, permitindo à conserva 
que seja armazenada por um período 
muito superior;

9. Retire o vidro com cuidado para não se 
queimar e deixe esfriar sobre uma superfície 
de madeira ou um pano seco, evitando que o 
vidro se rompa devido a um choque térmico;

10. Deixe esfriar por algumas horas e etiquete 
com a data em que foi feito. 
Verifique se não há vazamentos;

11. Sugere-se consumir em até 6 meses. 
Sempre que for abrir um vidro, verifique se 
ele não está estufado, já que a produção de gás 
em conservas durante o armazenamento é 
característica de proliferação de Clostridium ssp. 
Depois de aberto, guardar em geladeira 
por até uma semana.

Observação: Procure não demorar muito 
entre uma etapa e outra, pois as temperaturas 
são muito importantes tanto na esterilização 
do produto quanto para evitar choques 
térmicos que levem o vidro a romper.

Dica: 

Você pode substituir o pepino por outros legumes, 
tais como couve-flor, nabo, cenoura, 
beterraba, cebola pequena (descascada), etc. 
Vale observar que cada legume tem uma 
consistência e que os tempos na etapa de 
escaldagem e pasteurização irão 
variar para cada caso.