sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Receita - Bolo Tradicional de Natal!

Tronco de Natal

Bûche Le Jardin de Noël

A tradição mandava que, na véspera de Natal, 
se fosse buscar um enorme tronco de madeira, 
denominado “bûche de Noel” e que o trouxéssemos 
para casa com grande cerimonia. 
Na noite de Natal, o dono da casa o colocaria no átrio e 
procedia à libação, derramando azeite, sal e vinho sobre 
ele, declamando poesias. Em algumas famílias eram as 
 jovens da casa que acendiam o tronco de madeira 
com os pedaços de madeira do ano anterior, que tinham 
sido cuidadosamente guardados para o efeito. 
Noutras famílias, esse privilégio cabia à mãe.
As cinzas deste tronco tinham, dizia-se, a faculdade de 
proteger a casa das trovoadas e dos poderes maléficos 
do diabo e afastava os maus espíritos por todo o ano. 
Este costume, que data do século XII, tinha lugar na 
grande maioria dos países europeus, principalmente na 
França e na Itália, onde o tronco de Natal era chamado ceppo. 
Na França, esta tradição manteve-se até meados do século XIX. 
O desaparecimento desta tradição coincide com a dos 
grandes átrios, que foram progressivamente substituídos 
pelos fogões em ferro fundido. 
O grande tronco foi então substituído por pequenos 
troncos de madeira, por vezes ornados por pequenas 
velas e vegetação, que se colocavam no centro da 
mesa como decoração Natalícia.
Hoje em dia, o tronco de Natal é um bolo tradicional feito 
com creme de café ou de chocolate e decorado com 
folhas de azevinho.
Uma outra vertente conta a história da “Yule log” ou “Bûche de Noël. 
Segundo o costume, na véspera de Natal arrumava-se um 
bom pedaço de madeira que era queimada na lareira. 
O pai, mãe ou filhos, dependendo da região, eram responsáveis 
por regar o “log” de vinho, óleo e sal antes de colocá-la no fogo. 
As cinzas, segundo eles, protegiam a casa e afastava os maus 
espíritos por todo o ano. Com a chegada de caldeiras e outros 
tipos de aquecimento no século XIX, o enorme tronco de madeira 
foi substituído por menores e depois por pinheiros. 
Decorado com velas e vegetação, tornou-se um item de decoração 
para a mesa de Natal, tornando-se então, uma deliciosa sobremesa.
“Bûche de Noël” é um rocambole sofisticado em forma de 
tronco de árvore, com recheio de « crème au beurre » 
(creme de manteiga). No Brasil, seria um rocambole de pão de ló, 
mas na França existem duas opções de massa: a mais simples é 
a “Biscuit de Savoie” (o pão de ló) e a mais tradicional e 
sofisticada (mas também mais complicada) é a «Pâte Génoise », 
todas a duas criadas na Renascença e trazidas por Catherine de 
Médicis. Qual a diferença ? Na Génoise, os ovos são batidos inteiros 
e não tem fermento e na “Biscuit de Savoie” as claras são 
separadas das gemas e tem fermento…

Ingredientes:


Massa de chocolate:

Manteiga para untar
1 colher(es) de chá de fermento em pó
1/2 xícara(s) de chá de cacau em pó
1/3 xícara(s) de chá de leite
3 colher(es) de sopa de óleo
1 xícara(s) de chá rasa de açúcar
4 unidade(s) ovos

Brigadeiro
1 colher(es) de sopa de manteiga
2/3 xícara(s) de chá de cacau em pó
1/2 lata(s) de creme de leite
1 lata(s) de leite condensado

Calda
1 colher(es) de sobremesa de licor de 
cacau ou de chocolate
1 1/3 xícara(s) de chá de açúcar
1 xícara(s) de chá de água

Merengue para os cogumelos
Cacau em pó para polvilhar
1/4 xícara(s) de chá de açúcar de confeiteiro
1/4 xícara(s) de chá de açúcar
1 clara de ovo grande ou 2 claras de ovos pequenos

Modo de preparo:
Massa de chocoate

Bata os ovos com o açúcar. 
Peneire os ingredientes secos e alterne com os líquidos, mexendo devagar. Distribua a massa sobre uma assadeira untada e forrada com papel-manteiga e asse-a em forno médio, a 180°C, por 15 a 20 minutos ou até que, ao enfiar um palito no centro da massa, ele saia limpo. Reserve.

Brigadeiro

Coloque todos os ingredientes em uma panela, 
em fogo baixo. Mexa sempre até alcançar o ponto 
de brigadeiro médio, mais mole do que para 
enrolar. Reserve.

Calda
Ferva a água com o açúcar. 
Assim que ferver, desligue o fogo e acrescente 
a bebida.

Merengue para os cogumelos
Bata as claras com o açúcar até obter um ponto firme. 
Com a espátula, misture o açúcar de confeiteiro. 
Em uma assadeira forrada com papel-manteiga, 
pingue o merengue e polvilhe-s com cacau em pó. 
Asse em forno muito baixo, a 100°C, por 50 minutos 
ou até estarem firmes.

Montagem do tronco natalino
Depois de assada, molhe a massa com a calda fria, espalhe o brigadeiro mole por cima e enrole o doce em papel-manteiga, como um rocambole. Deixe firmar na geladeira. Depois de firme, cubra o tronco natalino com o restante do brigadeiro mole, espalhe farelo de bolo em volta e decore com lascas de chocolate, cogumelos de merengue, glacê de açúcar colorido ou o confeito que desejar.

Fonte:
Receita

Nenhum comentário:

Postar um comentário